segunda-feira, 29 de novembro de 2021 - 00:37 h

TEMPO REAL

 

Capa / Região / PMERJ diz que área do 28º Batalhão se destaca por queda no índice de crimes no primeiro trimestre de 2021

PMERJ diz que área do 28º Batalhão se destaca por queda no índice de crimes no primeiro trimestre de 2021

Matéria publicada em 26 de março de 2021, 10:48 horas

 


Dados foram comparados ao mesmo período de 2020, segundo a PM, que informou que estatísticas são do Instituto de Segurança Pública

Sul Fluminense – Devido a inúmeras reclamações de populares sobre casos envolvendo crimes como assaltos, roubos e homicídios, tentados ou consumados, bem como tráfico de drogas na região, o DIÁRIO DO VALE entrou em contato com a assessoria de Imprensa da Secretaria de Estado de Polícia Militar do Rio de Janeiro, nesta semana, na tentativa de entrevistar a comandante do 28º Batalhão, tenente-coronel Andréia Ferreira da Silva Campos, para debater o tema. Segundo a assessoria da PMERJ, a comandante não foi autorizada a ceder entrevista à imprensa.

Em nota, a assessoria informou ao DIÁRIO DO VALE, que o 28º Batalhão da Polícia Militar – que abrange os municípios de Volta Redonda, Barra Mansa, Pinheiral e Rio Claro – apresentou queda em todos os crimes elencados no sistema integrado de metas do ISP (Instituto de Segurança Pública) no primeiro trimestre de 2021, comparado ao mesmo período do ano anterior.

O destaque está na queda do indicador do crime de roubo de veículos, que comparado ao 1º trimestre de 2020, apresentou uma redução de 50%.  Já o crime de “roubo de rua” – roubo a transeunte, roubo em coletivo e roubo de aparelho celular, estes, tiveram uma queda de 34%. Os roubos de carga reduziram em 25%.

O indicador de “letalidade violenta” – que é a soma de homicídio doloso, roubo seguido de morte, lesão corporal seguida de morte e morte por intervenção de agente do estado, obteve uma queda de 10%. As estatísticas de mortes violentas da região, integradas às estatísticas de todo estado do Rio de Janeiro, garantiu, de acordo com o ISP, uma redução de 25% no mês de fevereiro, sendo a maior queda dos últimos 30 anos.

Patrulhamento

Por fim, a PMERJ ressaltou que policiais do 28º Batalhão iniciaram novo formato de patrulhamento; com destaque em Volta Redonda.

”Desde a última quarta-feira (24), foi iniciada uma nova forma de policiamento em Volta Redonda: a “APREV VILA”. Trata-se de um patrulhamento 24h, baseado no conceito de “Polícia de Proximidade”, visando a prevenção em segurança pública no bairro onde é empregado. Com o objetivo de ser uma modalidade de policiamento mais dinâmica, para combater os delitos de maior incidência naquela determinada área e oferecer mais sensação de segurança pública ao setor comercial que abrange a Vila Santa Cecília”, diz a nota.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

2 comentários

  1. Talvez ela tá falando de outra volta redonda kkkk
    Pq aqui em volta redonda tá perigoso andar qualquer horário…bairros como santo Agostinho,santa cruz,água limpa e daí vai outros tá mais sujo que poleiro de galinha

  2. A queda do número de ocorrências registradas e não dos fatos ocorridos, muitos assaltos saem no jornal mas as pessoas não registram por isso não entra na estatística, mas quem é morador de volta redonda sabe que os números de assaltos e furto de veículos vem aumentando na nossa cidade e a polícia não faz nada.

Untitled Document