>
sexta-feira, 1 de julho de 2022 - 19:49 h

TEMPO REAL

 

Capa / Tempo Real / Polícia desarticula quadrilha que praticava assaltos em Volta Redonda, Barra Mansa e Barra do Piraí

Polícia desarticula quadrilha que praticava assaltos em Volta Redonda, Barra Mansa e Barra do Piraí

Matéria publicada em 29 de setembro de 2021, 15:51 horas

 


Sul Fluminense – Policiais civis da 88ª DP (Barra do Piraí), coordenados pelo delegado titular, Rodolfo Atala, deflagraram a Operação Justa Causa, nesta quarta-feira (29), para desarticular uma organização criminosa que praticava assaltos em estabelecimentos comerciais em Barra do Piraí, Barra Mansa e Volta Redonda. Cinco mandados de prisão foram cumpridos. Os agentes também conseguiram evitar um roubo em uma casa lotérica, que seria cometido pela quadrilha hoje.

A operação é resultado de quatro meses de investigação e contou com apoio de policiais civis de Volta Redonda, Barra Mansa e Barra do Piraí. Segundo os agentes, o líder do grupo se associava a funcionários dos estabelecimentos, que passavam informações como dia de pagamento e valor de dinheiro transportado pelos patrões. A partir disso, o grupo monitorava as vítimas e escolhia o melhor momento para cometer o roubo. Os alvos eram em lojas e casas lotéricas.

– O líder do grupo arregimentava funcionários desses estabelecimentos, que passavam informações, como dia de pagamento e o valor do dinheiro transportado pelos patrões. Daí o nome da Operação “Justa Causa”. A partir daí o grupo monitorava as vítimas e escolhia o melhor dia para praticar os roubos – disse Atala.

Após os assaltos, os criminosos ostentavam e gastavam o dinheiro em boates, hotéis, viagens, carros, relógios e outros objetos. No dia 2 de agosto deste ano, dois integrantes do grupo já haviam sido presos em Volta Redonda pela equipe da 88ª DP. O casal chegou a passar um final de semana em um hotel cinco estrelas no bairro Leblon, Zona Sul da capital do Rio de Janeiro.

Segundo as investigações, os assaltantes eram muito violentos e não descartavam matar as vítimas para cometer os roubos. Inclusive, os integrantes da quadrilha trocavam fotos dos alvos.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document