segunda-feira, 24 de janeiro de 2022 - 23:21 h

TEMPO REAL

 

Capa / Nacional / Polícia Civil inaugura serviço para facilitar sepultamentos no Rio

Polícia Civil inaugura serviço para facilitar sepultamentos no Rio

Matéria publicada em 23 de julho de 2015, 18:32 horas

 


Rio – A Polícia Civil do Rio de Janeiro inaugurou nesta quinta-feira (23) em parceria com a Corregedoria-Geral do Tribunal de Justiça do Estado, a primeira Unidade Interligada de Registro Civil. O serviço funcionará no Instituto Médico Legal Afrânio Peixoto, na Leopoldina, zona portuária do Rio.

O representante do Nono Registro Civil de Pessoas Naturais da Comarca da Capital, Alaor Mello, destacou o que muda com a implantação do projeto. Segundo ele, antes a pessoa pegava a declaração de óbito para fazer a certidão de óbito e obter a guia de sepultamento para o enterro. De posse da guia, tinha que ir a um cartório da região onde a pessoa faleceu e só depois liberava o corpo no Instituto Médico Legal para o enterro. Agora, o documento seguirá via digital para o cartório de origem, tornando mais fácil para a família a liberação do corpo.

De acordo com o delegado da Polícia Civil, Fernando Veloso, a expectativa é que o serviço seja ampliado para os demais postos da polícia técnica no estado do Rio. “Com o serviço ganha a Polícia Civil, ganha o Tribunal de Justiça e, principalmente, ganha a sociedade, e esta é uma forma de minimizar um pouco a dor das pessoas. São tantos percalços que têm de ser observados, e agora é menos um, com este facilitador para a liberação do corpo”, explicou.

O serviço funcionará durante a semana, das 9 às 17 horas, com plantões das 9h às 12horas aos sábados, domingos e feriados.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document