quarta-feira, 23 de setembro de 2020 - 16:59 h

TEMPO REAL

 

Capa / Plantão da redação / Porto Real abrirá Centro de Triagem Covid-19 na quarta-feira

Porto Real abrirá Centro de Triagem Covid-19 na quarta-feira

Matéria publicada em 4 de agosto de 2020, 19:09 horas

 


Área voltada para Covid-19 será na antiga Central de Vacinas
(Foto: Reprodução)

Porto Real – O Hospital Municipal São Francisco de Assis de Porto Real contará com um Centro de Triagem para Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, a partir de quarta-feira (05). O anuncio foi feito pelo prefeito Ailton Marques e pelo diretor técnico do hospital, Flávio Barradas, durante a live semanal. Segundo Flávio, a área de triagem para Covid ficará aonde ficava a Central de Vacinas.

– A partir de amanhã, a gente abre aonde ficava a Central de Vacinas, área de triagem para Covid. Os testes e os atendimentos médicos serão feitos ali e aos pouquinhos vamos pegar aqueles seis leitos e começar a transferir os pacientes para lá. Vamos separar os pacientes dos atendimentos do pronto socorro (PS), mas isso não impede que casos graves, que cheguem no PS, sejam atendidos no local. Dependendo do número de casos de pacientes internados (de Covid-19), temos seis leitos na maternidade, podendo estender a 12 leitos, individualizados em cada quarto – explicou.

Decreto

O prefeito Ailton Marques prorrogou a vigência do Decreto nº 2.477 de 17 de julho até o dia 11 de agosto, que estabelece medidas de controle de circulação de pessoas e exercício de atividades em ?Porto Real devido ao aumento de casos de Covid-19.

O decreto destaca que o morador que descumprir do uso de máscara facial em relação ao combate e prevenção ao coronavírus está sujeito a multa. Ainda segundo o decreto, se o infrator se recusar a fornecer os dados obrigatórios solicitados pelo fiscal, caso ele seja multado, deverá ser conduzido para uma unidade policial.

Estabelecimentos comerciais caracterizados como restaurantes terão seu funcionamento limitado a 30% de sua capacidade de lotação até às 22h. Após esse horário, os atendimentos deverão ser apenas por delivery.

Não estão permitidas aglomerações de pessoas em espaços públicos e privados.

Os estabelecimentos comerciais devem fornecer álcool gel 70%, sabão e outros sanitizantes, para clientes e funcionários durante o horário de funcionamento permitido para combater o novo coronavírus. Também é necessário promover organização e controle de filas, com demarcação no solo com distância mínima de 1,5 metro por pessoa.

É proibida entrada e permanência de menores de 12 anos nos estabelecimentos comerciais. O atendimento exclusivo a idosos ocorre nos horários de 8h às 10h por serem classificados como grupo de risco.

Denúncias

Durante a live, o prefeito comentou sobre as denúncias recebidas sobre aglomerações em todo o município. Segundo ele, das 12 denúncias, dez são consideradas trotes e que isso atrapalha a fiscalização.

– Queria fazer um pedido pra população, de não passar trote. Criamos um WhatsApp da Guarda municipal para apurar denuncias. Tivemos 12 denuncias em um final de semana e dez eram falsas. Aí deslocamos a viatura em um determinado lugar enquanto a aglomeração acontece em outro lugar. Estamos na rua 24 horas, mas obviamente que o movimento é maior durante o dia, ainda sim os fiscais já fiscalizaram e fecharam bar por volta das 22h. Estamos nos esforçando, mas depende do cidadão nos ajudar, de colaborar para realizar as denúncias. Não queremos chegar ao extremo de multar, por isso orientamos a população para que isso não aconteça – afirmou o prefeito Ailton Marques.

Os canais disponíveis para realização de denúncias são pelos números 99865-5531 (Whatsapp) da Guarda Municipal e o disque denuncia 3353-1245 que funcionam 24 horas por dia.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document