quinta-feira, 20 de janeiro de 2022 - 08:35 h

TEMPO REAL

 

Capa / Política / Presidente do PL em Volta Redonda considera positiva vinda de Bolsonaro

Presidente do PL em Volta Redonda considera positiva vinda de Bolsonaro

Matéria publicada em 3 de dezembro de 2021, 18:41 horas

 


Antônio Cardoso lembra que partido agora conta com o governador do Estado do Rio e o Presidente da República

Volta Redonda – O presidente do PL em Volta Redonda, Antônio Cardoso, disse em entrevista exclusiva ao DIÁRIO DO VALE que “é uma honra receber no partido o presidente da República, Jair Bolsonaro”. Cardoso afirmou que vem acompanhando a trajetória do presidente e que considera os pensamentos de Bolsonaro coerentes com a linha do Partido Liberal.
— Tenho certeza de que a permanência do presidente no partido só dará alegrias ao PL — completou.
Cardoso ainda lembrou que agora o PL conta com o Presidente da República e o governador do Estado do Rio, Claudio Castro, que, segundo o dirigente da sigla em Volta Redonda, “foi recebido de braços abertos, na expectativa de que ele hore a tradição da sigla”, e que agora “nossa satisfação cresce por causa de seu comportamento ético”.

Tradição

Cardoso lembrou que é presidente do PL há 35 anos, “com muito orgulho”. O partido foi fundado com essa sigla e depois passou a ser PR, voltando á sigla original há poucos anos. Segundo ele, desde o início o programa partidário defende os valores da transparência e do respeito ao dinheiro público.
— Numa das primeiras eleições disputadas pelo partido, lançamos o prefeito Antônio Francisco Neto candidato a deputado estadual e o ex-presidente da Fevre, José Luiz de Sá, candidato a deputado federal constituinte. Embora tivéssemos poucos recursos e tenhamos feito uma campanha modesta, os dois foram eleitos. Quando vieram conversar comigo, após a eleição, disse a eles que a única coisa que lhes pedia era que desempenhassem suas funções de forma honrada e nuca se afastassem da ética. Felizmente, fui atendido — diz Cardoso.
A ética é considerada tão importante para o PL de Volta Redonda que a legenda foi a única na história da cidade a expulsar um vereador por ter se envolvido em corrupção.

O PL

Cardoso afirma que, quando ele e um grupo decidiram fundar um diretório municipal de partido político, foi feita uma pesquisa para saber qual estatuto era mais condizente com as ideias deles. A escolha recaiu sobre o PL, porque, segundo Cardoso, o programa partidário defende o direito à propriedade, a educação como prioridade e a saúde como um direito básico da população.
Além disso, Cardoso levou em conta a principal liderança do PL á época: o ex-deputado, ex-ministro da Educação e ex-embaixador do Brasil na França Álvaro Valle.
—Já na época da fundação do partido, Valle tinha um histórico de honestidade e de bons serviços prestados ao país. De sua vivência na França, ele trouxe ao Brasil alguns princípios básicos que norteiam a política naquele país, uma das democracias mais estáveis do mundo — disse.

Foto: Paulo Dimas
Antônio Cardoso afirma que PL tem orgulho de contar com Bolsonaro e Claudio Castro


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

10 comentários

  1. Vai ser uma honra comemorar a derrota de vices também.

  2. Bolsonaro não trás nada de positivo, só decepção e ignorância.

  3. Primo do Aristides, o noivinho

    Normal. Os gambás, mesmo em bando, se beijam.

  4. Esse Cardoso vai na direção oposta ao racional.

  5. O desgoverno acaba com o Brasil e ainda agradecem! Se fosse um país sério esse senhor não iria ser aceito nem para ser canditado a porteiro.

  6. Típico eleitor desse sujeito ….

  7. Brasil acima de tudo...

    Eu e mais 5 amigos vamos filiar ao partido liberal, é um bom partido, tem história de muito trabalho e é conservador.

  8. 2022 digite 22 e seja feliz!

  9. A novinha do Aristides casou-se com o Centrão ….kkkk …já já tem traição !!!

  10. Esse Cardoso já foi candidato a vice da Cida Diogo e, agora, é bozoloide. Alguém entendeu? Esse é o político que quer parecer honesto.

Untitled Document