Preso em Resende suspeito de ter estuprado a própria filha

Crime aconteceu no dia 18 de maio em Barra do Piraí, no distrito de Dorândia

by Lívia Nascimento

Foto: Divulgação

Resende – Uma operação conjunta entre policiais da 88ª DP e 89ª DP (Barra do Piraí e Resende, respectivamente) levou à prisão, na manhã desta segunda-feira (3), de um homem de 39 anos suspeito de estuprar a própria filha, de sete anos de idade. O crime aconteceu no dia 18 de maio em Barra do Piraí, no distrito de Dorândia.

Segundo o delegado titular da 88ª DP, Antônio Furtado, a representação pela prisão temporária do homem aconteceu na semana retrasada. “ E semana passada, na última segunda-feira, nós conseguimos a expedição do mandado de prisão. Nós fizemos buscas todos os dias da semana, checamos diversas informações, até que num trabalho de inteligência conseguimos êxito em descobrir que ele estava escondido na casa da irmã no bairro São Caetano, em Resende”, disse Furtado.

Ainda de acordo com ele, cinco policiais – três de Barra do Piraí e dois de Resende –  ficaram em viaturas descaracterizadas fazendo campana. Quando o suspeito apareceu, entrou com rapidez na casa da irmã. “Nesse momento a casa foi então cercada, o policial bateu na porta, a irmã abriu e foi dito que havia mandado de prisão. O pai simplesmente foi para o fundo da casa. E claramente ele ia escalar o muro, mas não conseguiu”, contou o delegado, acrescentando que a retaguarda por onde o homem poderia ter tentado fugir já estava coberta pelos policiais.

“Logo, ele foi preso, já está na 88ª DP, e nós, policiais, temos a sensação de dever cumprido. Nós também somos pais, existem mães, tanto na Polícia Civil e Militar quanto na Guarda Municipal, e para nós era questão de honra que essa prisão acontecesse o mais rápido possível”, continuou Furtado, acrescentando a prisão tem validade de trinta dias, tempo que será usado pela Polícia civil para investigar o caso com ainda mais afinco.

“Sabendo que nós estamos garantindo a segurança da mãe e da criança. Um dado importante a ser destacado é que a irmã do suspeito não sabia que ele estava envolvido na situação do estupro. Quando lhe foi lido o mandado e ela foi alertada do que estava acontecendo, ela quase desmaiou. Falou: ‘não é possível, eu tenho duas crianças pequenas aqui’. Ou seja, duas filhas pequenas na casa. Ela ficou sem ação e por muito pouco não desmaia”, revelou Furtado. O preso será transferido nesta terça-feira (4) para a Casa de Custódia de Volta Redonda.

 

You may also like

Leave a Comment

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996