segunda-feira, 6 de dezembro de 2021 - 14:03 h

TEMPO REAL

 

Capa / Polícia / Preso pai do suspeito de ser chefe de organização criminosa que foi alvo da Operação Alcateia

Preso pai do suspeito de ser chefe de organização criminosa que foi alvo da Operação Alcateia

Matéria publicada em 27 de outubro de 2021, 17:27 horas

 


Sul Fluminense – O delegado titular da 93ª DP (Volta Redonda), Edézio Ramos, disse que um dos presos na Operação Alcateia, realizada nesta quarta-feira, dia 27, foi o pai do suspeito de ser o líder da organização criminosa, Leone da Silva Ribeiro, de 29 anos. Ele, que foi o alvo da ação,  está preso desde junho deste ano, no sistema penitenciário. No entanto,  comanda uma quadrilha fortemente organizada, especializada nos crimes de tráfico de drogas, homicídios e roubo de veículos no Sul Fluminense, de dentro da cadeia.

– O pai de Leone foi preso na operação desta quarta-feira. Ele é cúmplice do filho nas ações criminosas e tomava conta do tráfico de drogas aqui na região.  Leone foi preso há quatro meses, por agentes da 93ª DP, em Bom Jardim de Minas (MG) – disse Edézio

Foram presas 23 pessoas, das quais três delas já estavam no sistema prisional, como foi  o caso de Leone. A ação buscou cumprir 32 mandados de prisão e 33 de busca e apreensão na cidade do Rio e em bairros de Volta Redonda, Barra Mansa, Resende.

Agentes das delegacias do 4º, 5º e 7º Departamentos de Polícia de Área (DPAs) também participaram da ação.

Edézio explicou que os integrantes da quadrilha se articulavam por meio de um aplicativo de conversa, que também era usado para negociar venda de entorpecente. O aparelho, segundo o delegado, foi apreendido após a prisão de um dos envolvidos do grupo.

Os 115 policiais civis que participaram da investida apreenderam grande quantidade de drogas, armas e munições, que ainda  não foram contabilizados pelos agentes.

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document