quarta-feira, 23 de junho de 2021 - 17:36 h

TEMPO REAL

 

Capa / Internacional / Prisão em Guantanamo deve ser fechada até fim do mandato de Obama

Prisão em Guantanamo deve ser fechada até fim do mandato de Obama

Matéria publicada em 21 de agosto de 2015, 08:16 horas

 


Cuba – A prisão norte-americana em Guantanamo, Cuba, será fechada até o fim do mandato do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama. A informação foi divulgada nessa quinta-feira (20) pelo secretário de Defesa do país, Ashton Carter, em entrevista. As informações são da Agência Brasil.

Ele confirmou que o governo já estuda a transferência de alguns presos da ilha para unidades militares em território norte-americano.

– Guantanamo exige muito investimento e sua manutenção serve de munição para grupos extremistas como o Estado Islâmico – disse. Há três dias o governo havia anunciado que estava estudando a possibilidade de transferir alguns presos.

Guantanamo foi inaugurada em janeiro de 2002, depois dos atentados de 11 de setembro de 2011, durante o governo de George W. Bush, no contexto da chamada guerra ao terror. O primeiro grupo de prisioneiros enviados à ilha era formado por 20 combatentes do Afeganistão, considerados terroristas pelo governo dos Estados Unidos.

Após a inauguração, a unidade chegou a ter cerca de 680 presos e atualmente abriga 116. O secretário de Defesa disse que a manutenção de Guantanamo é um dos argumentos usados por grupos radicais extremistas, porque a prisão tem pessoas consideradas terroristas, algumas delas vinculadas a organizações como a Al Qaeda e os Talibãs.

Ele confirmou que as prisões militares de Fort Leavenworth, no Kansas, e Navy Brig, em Charleston, na Carolina do Sul, estão sendo avaliadas, mas há outros locais em estudo.

Com relação à possível resistência por parte dos Republicanos no Congresso, Carter disse que o Departamento de Defesa está trabalhando em um plano para esclarecer os motivos da transferência e os benefícios da mudança.

– A nossa responsabilidade é apresentar um plano a eles [do Congresso], para que uma decisão possa ser tomada de forma responsável – disse.

Além dos argumentos de custo e de incitar grupos extremistas, a prisão em Guantanamo incomoda ao governo de Cuba. A devolução do território aos cubanos é um dos pontos reivindicados pela ilha para o total restabelecimento das relações diplomáticas, o que ocorreu recentemente, após meio século de afastamento.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. Martins português

    A prisão foi inaugurada em 2002, depois dos atentados de 11 de setembro de 2011. Como assim não entendi!!!!! Cronologia super errada.

Untitled Document