Putin promete levar à Justiça assassinos de Boris Nemtsov

Por Diário do Vale
61 Visualizações

O presidente russo, Vladimir Putin, prometeu hoje (28) fazer tudo que for possível para levar à Justiça os responsáveis pelo “vil” assassinato do opositor Boris Nemtsov, morto a tiros perto do Kremlin, em Moscou.

“Tudo será feito para que organizadores e autores de um assassinato vil e cínico recebam o castigo que merecem”, afirmou Putin num telegrama enviado à mãe de Nemtsov e publicado no portal do Kremlin.

No texto, o presidente russo diz à mãe de Nemtsov, Dina Eidman, de 86 anos, que o opositor “deixou a sua marca na história, na política e na vida pública da Rússia” e que a sua morte é uma “perda irreparável”.

Nemtsov, que foi vice-primeiro-ministro durante a presidência de Boris Ieltsin, nos anos 1990, “exerceu cargos importantes num difícil período de transição” do país, e “assumiu sempre as suas posições diretamente e com honestidade”, escreveu Putin.

O primeiro-ministro russo, Dmitri Medvedev, também lamentou a morte de Nemtsov, “uma pessoa de princípios”, que “agia aberta e consistentemente, e nunca traía as suas opiniões”, cujo “assassinato cínico é chocante”.

Advertisement

VOCÊ PODE GOSTAR

1 Comentário

EDIGAR SILVA 1 de março de 2015, 06:18h - 06:18

Então ele mesmo o levará ao banco dos réus? Este Putin é um tremendo cara de pau.

Comments are closed.

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

 

(24) 99926-5051 – Jornalismo

 

(24) 99234-8846 – Comercial

 

(24) 99234-8846 – Assinaturas

Canal diário do vale

colunas

© 2023 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996