quarta-feira, 16 de junho de 2021 - 14:04 h

TEMPO REAL

 

Capa / Tempo Real / Rechuan e Pezão vão inaugurar Parque Estadual da Pedra Selada

Rechuan e Pezão vão inaugurar Parque Estadual da Pedra Selada

Matéria publicada em 11 de junho de 2015, 12:02 horas

 


Inauguração vai acontecer neste sábado (13) em Visconde de Mauá, distrito de Resende

Pedra Selada - foto Antonio Leao

Resende – O prefeito José Rechuan e o governador Luiz Fernando Pezão participam neste sábado (13), a partir das 10 horas, em Visconde de Mauá, da inauguração da sede do Parque Estadual da Pedra Selada (PEPS), cuja criação, em 2012, reuniu uma área total aproximada de 8.036 hectares, em parte dos municípios de Resende e Itatiaia, como unidade de conservação de proteção integral.

No prédio, que funcionará como sede do Parque Estadual, também estará o Centro de Gestão Integrada, com estações de trabalho das Secretarias municipais de Turismo e Eventos, de Assistência Social e Direitos Humanos e de Relações Comunitárias e Cidadania e da Agência do Meio Ambiente do Município de Resende (AMAR), que desenvolvem, em parceria com o PEPS, diversas ações e projetos visando ao desenvolvimento sustentável da Região de Visconde de Mauá e a promoção do bem-estar social e qualidade de vida da comunidade local.

– Tenho certeza que esta base de apoio de projetos sociais e ambientais da Prefeitura irá contribuir cada vez mais com o desenvolvimento da região, que vem crescendo com a implantação da Estrada-Parque Capelinha-Mauá – comenta o prefeito Rechuan, destacando a constante parceria com o Governo do Estado.

As obras da Sede do Parque Estadual da Pedra Selada foram executadas pelo Governo do Estado, com recursos federais, oriundos do Programa de Desenvolvimento do Turismo (PRODETUR-RJ) e da Caixa Econômica Federal (CEF).

PARQUE PEDRA SELADA

Primeira e ainda única unidade de conservação de proteção integral estadual presente na Serra da Mantiqueira, forma importante corredor ecológico com o Parque Nacional do Itatiaia e com outras Unidades de Conservação públicas e privadas próximas, protegendo as nascentes de rios de algumas das principais bacias hidrográficas da Região Sudeste – Paraná e Paraíba do Sul -, contribuindo para a preservação das cadeias de montanha em que está situado o extraordinário monumento geológico representado pelo grupo de picos que compõem a Pedra Selada.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

4 comentários

  1. E vai ter que pagar para entrar no parque?

  2. MORADOR DA BAGAGEM

    Alô Prefeito RECHUAN E VEREADORES DE RESEDNDE. Que tal aproveitar a oportunidade e cobrar do governador que cumpra a promessa de campanha de asfaltar a estrada de vargem grande até a Bagagem (Serra do EME). A estrada está horrível com carros quebrados todos os dias…

  3. Visto pelo o que ocorre com outros Parque Estaduais no Rio de Janeiro, este será sem dúvida mais um sumidouro do dinheiro público. E certamente muitas famílias de agricultores que já cuidavam desta região com carinho e orgulho, devem estar sendo prejudicadas de alguma maneira.
    Resta saber de fato se o Estado já indenizou as famílias pelas terras sequestradas, para se intitular tutores das mesmas. Ou será uma atitude governamental estilo cubana ou chinesa?

  4. Que absurdo ! Enquanto fazem estas obras do parque da serra da pedra selada … O hospital de cardíacos no Rio falta tudo e até material higiênico como papel higiênico ,sabonete e todos que lá estão que se deslocaram de sua cidades para operar ! Colocar ponte safena e outros ,estão lá a mais de 100 dias e nada é feito ! Fala serio isso é Brasil e estado do rio um absurdo o que fazem com o povo .

Untitled Document