terça-feira, 4 de agosto de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Região / Resende terá audiência pública sobre licitação de linhas de ônibus

Resende terá audiência pública sobre licitação de linhas de ônibus

Matéria publicada em 14 de janeiro de 2020, 15:53 horas

 


Contrato fechado em licitação anterior termina em setembro de 2020 e governo municipal precisa debater assunto com a população

Audiência pública discute licitação de ônibus em Resende

Resende – A Prefeitura de Resende vai promover uma audiência pública para preparar uma nova licitação dos serviços de transporte público no município. O encontro com a sociedade vai acontecer no dia 12 de fevereiro, às 18 horas, no Espaço Z, localizado na Avenida Gustavo Jardim, no Centro. Na reunião, será apresentado um diagnóstico sobre o transporte de passageiros na cidade e também serão colhidas informações que vão nortear os próximos passos do processo.
O diagnóstico, necessário para a realização da licitação, foi elaborado ao longo do ano passado, como mais um passo do atual governo no sentido de conseguir oferecer um transporte público de qualidade aos resendenses. A partir de agora, para que tudo dê certo até a efetiva licitação das linhas, o governo municipal terá de cumprir todas as etapas previstas nas legislações vigentes, em âmbitos municipal, estadual e federal, para só então determinar a data específica para que a concorrência aconteça.
O prefeito Diogo Balieiro Diniz, a partir de um decreto, criou um grupo que vai coordenar a audiência pública e o andamento de todas as etapas da nova concessão. A iniciativa visa tanto garantir transparência como evitar futuros entraves jurídicos e burocráticos, uma vez que trata-se de um processo complexo, que envolve o setor público e privado. Vale ressaltar que a empresa que atualmente opera na cidade ganhou um contrato de 20 anos, que vai ser encerrado em setembro de 2020.
Com isso, a atual gestão terá uma grande responsabilidade para não deixar que erros do passado sejam repetidos e se perpetuem no futuro. Uma das principais preocupações é com a questão das regras de fiscalização, bem como com a elaboração de uma cláusula penal que permita ao governo punir com a severidade necessária a empresa em caso de descumprimento do contrato. As regras pouco rígidas que regem o contrato em vigor com a São Miguel, celebrado duas décadas atrás, estão entre os principais problemas enfrentados pela atual gestão municipal para minimizar os problemas e a falta de qualidade do serviço prestado, que se arrastam desde então.
– Vamos trabalhar muito para garantir um serviço de qualidade, atendendo o que a nossa população espera. Não é um caminho fácil até a licitação, mas é o correto e também a única saída para a situação melhorar. A população anseia muito por essa licitação e nosso governo terá a coragem para fazer. Tudo dentro da lei, garantindo todos os direitos e cobrando todos os deveres dos envolvidos – disse o prefeito Diogo Balieiro Diniz.
De acordo com o edital publicado para regulamentar a audiência pública, o objetivo da reunião é “possibilitar a comunicação direta entre a Administração Pública Municipal e os cidadãos resendenses e usuários do serviço de transporte coletivo, proporcionando a troca de informações e esclarecimentos das demandas envolvidas”. Da mesma maneira, a reunião vai esclarecer alguns aspectos técnicos do transporte público resendense, encarando de frente e com transparência às questões necessárias.
No edital de convocação, por exemplo, o governo reconhece que o trânsito urbano é um dos principais problemas a serem enfrentados. “Em especial em Resende, com um sistema viário antigo, irregular e descontínuo, esse problema já está assumindo proporções regionais, com sérios prejuízos à economia e principalmente aos usuários do transporte coletivo”.
No encontro, após a apresentação do diagnóstico sobre o quadro atual do transporte público, haverá espaço para inscritos darem suas contribuições para o plano executivo que será montado. Também serão distribuídos formulários permitindo a populares que ficaram de fora da inscrição se manifestem. Os formulários deverão ser solicitados no dia da audiência, na mesa de inscrição, ou por email , através do site da prefeitura, em espaço que será aberto em breve.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

3 comentários

  1. Avatar

    Prefeitura de Resende tá fazendo vista grossa faz tempo. São Miguel tá uma m… Agora depois que pegou fogo no ônibus em frente ao predio APM. correu pra anuncia audiencia publica… ANO DE ELEIÇÃO é assim, inventa alguns fakitoides pra iludir o povo

  2. Avatar

    Falar nisso, teve a audiência pública para a licitação das linhas da Viação Sul Fluminense em Volta Redonda?
    Se não me falha a memória era para setembro ou outubro do ano passado.

    • Avatar

      Não teve. O prefeito está falando que vai fazer, porém até hoje não se prontificou a nada. Só está “resolvendo as coisas” por decreto e licitação e olha a confusão que está gerando.

Untitled Document