segunda-feira, 25 de maio de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Saúde / Rio tem menos de 30% dos respiradores necessários, afirma Witzel

Rio tem menos de 30% dos respiradores necessários, afirma Witzel

Matéria publicada em 9 de abril de 2020, 19:44 horas

 


Governador disse ainda que há uma escassez dos aparelhos no mercado devido a pandemia

O Rio de Janeiro só tem 400 respiradores de um total de 1 400 que seriam necessários para enfrentar a epidemia de covid-19 no Estado. O número corresponde a apenas 28,5% da quantidade ideal. A informação foi dada pelo próprio governador, Wilson Witzel, em entrevista ao vivo na manhã de quinta-feira, 9, ao Bom Dia Rio, da TV Globo.
Segundo Witzel, há uma escassez de respiradores no mercado mundial e, por isso, o governo do Estado não consegue comprá-los O equipamento é essencial no tratamento dos casos mais graves da infecção pelo novo coronavírus.
– Temos 400 respiradores e isso é muito pouco, muito longe do necessário. Por isso, é importante alertar que não vamos ter condições de atender uma quantidade muito grande de pacientes. Faço o apelo para as pessoas não irem para a rua, não se aglomerarem. A população ainda não entendeu a gravidade do problema – afirmou.
O governador explicou que está tentando comprar mais respiradores, mas não consegue.
– Estes equipamentos não existem no Brasil, têm que ser importados. A grande maioria dos respiradores vem da China, que está tendo dificuldade de fornecer para o mundo todo. Está havendo um leilão para ver quem paga mais pelos respiradores – disse.
Wilson Witzel disse que tentou conversar com empresas no Estado para avaliar a possibilidade de os respiradores serem produzidos aqui. No entanto, explicou que as peças necessárias para a montagem do equipamento também são importadas da China e há dificuldade para trazê-las.
– A única solução que temos hoje é conscientizar a população a ficar em casa, a obedecer as regras de isolamento social para não termos um pico muito rápido da doença. Quem está na rua está levando o risco para toda a sociedade. A morte pode brotar ao lado da sua porta, levar um parente, um avô, uma avó, uma mãe, um pai – ressaltou.
O governador confirmou a entrega de 3.300 leitos hospitalares extras no Estado, em hospitais de campanha, até o fim deste mês. Sem o número necessário de respiradores, no entanto, eles podem se revelar ineficazes.
Witzel lembrou que as populações das comunidades mais pobres do Rio são especialmente vulneráveis, sobretudo devido à alta incidência de outras doenças graves, como a tuberculose. Na quarta-feira foram registradas as primeiras seis mortes em favelas do Rio, especificamente em Rocinha (2), Vigário Geral (2), Manguinhos (1) e Complexo da Maré (1). O comércio tem funcionado nessas comunidades, onde há muita gente circulando.
O governador afirmou que já conversou com o prefeito do Rio, Marcelo Crivella, e que os locais da cidade onde as concentrações de pessoas forem muito grandes devem ser isolados.
Por Roberta Jansen


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

7 comentários

  1. Avatar

    Adolfo Witzel.

  2. Avatar

    Problema seu por ser incompetente por não ver a ameaça chegando ao Rio, talvez pq não queria perder a oportunidade de rebolar na avenida. Os meus impostos estão pagos em dia. Se o dinheiro sumiu a responsabilidade é do governador e do prefeito.

    Ele devia é parar de comprar da China o que pode ser produzido pela sua vizinha e ainda fomentar a economia local. Não creio que o incompetente fará isso.

  3. Avatar
    Desqualificado Braga Lula da Silva

    Não me lembro da preocupação do governador quanto aos respiradores enquanto “sambava” na Sapucaí com o “BolsoDória”. Ah! Quanto a China ou o mundo se reinventa e baixa os impostos, as taxas, tributos sobre a produção de cada país e assim “corta” a dependência total da China ou na próxima pandemia a humanidade não mais estará de joelhos diante deles e sim adquirindo caixões deles.

  4. Avatar

    Vários governos estão trabalhando com alternativas mais baratas e eficientes. Mas aqui, só serve da China. E aproveitando, quando informarão o número de curados, ou por aqui a doença tem efeito permanente?

    • Avatar
      Capeta da grota do Santa cruz

      Por causa dos BRICS …

    • Avatar

      Só para lembrar, o numero de mortos por Covid 19 aqui no Brasil está com uma defasagem de 16 dias, devido ao atraso na entrega dos resultados dos exames. Infelizmente tive que sair de casa hoje para resolver problema urgente, as ruas estavam lotadas, fila para comprar ovos de Páscoa nas Lojas Americanas do Aterrado dobrava a esquina , infelizmente muitas vidas serão ceifadas aqui no Brasil, a disciplina não está no nosso DNA.

Untitled Document