>
terça-feira, 17 de maio de 2022 - 03:59 h

TEMPO REAL

 

Capa / Nacional / Secretário de Fazenda afirma que Estado pode antecipar pagamento

Secretário de Fazenda afirma que Estado pode antecipar pagamento

Matéria publicada em 14 de novembro de 2016, 11:40 horas

 


Gustavo Barbosa está em São Paulo em busca de recursos extras

Rio de Janeiro- O secretário estadual da Fazenda, Gustavo Barbosa, afirmou, em entrevista ao Bom Dia Rio, da TV Globo, na manhã desta segunda-feira (14), que o calendário de pagamento dos servidores pode ser antecipado, caso o Estado receba recursos extras.

– Conforme o governador Pezão disse ontem, se entrar algum recurso a mais do programado, certamente o salário será antecipado.

Na última sexta-feira (11), foram pagos integralmente os salários dos servidores ativ‎os e inativos da área de segurança (policiais militares e civis, bombeiros e agentes penitenciários) e os ativos da Educação. Com isso, o governo do estado quitou 62% da folha total, ao depositar R$ 1,28 bilhão.‎ Os demais funcionários e pensionistas vão receber em até sete vezes, a partir desta quarta-feira (16).

– Na sexta-feira, cerca de 240 mil servidores receberam salários integrais. A partir desta quarta-feira, com o depósito de R$ 800, teremos 42 mil servidores também recebendo integralmente seus salários – ressaltou o secretário.

Gustavo Barbosa está em São Paulo, onde se reunirá com representantes de bancos a fim de tratar da securitização de ativos (royalties e dívida ativa) para gerar recursos extras para os cofres estaduais.

‎O secretário de Fazenda voltou a defender as medidas propostas pelo Executivo para equilibrar as contas estaduais

‎- As medidas foram propostas com o objetivo de equilibrar o caixa do Estado a médio e a longo prazo. O Estado está tentando agir em cima de uma situação de total caos financeiro. A situação está bastante grave, mas o Estado não desistiu de buscar alternativas extraordinárias – frisou Gustavo Barbosa.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document