>
domingo, 7 de agosto de 2022 - 20:02 h

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Secretário de Finanças de Barra Mansa comemora descentralização às análises da Comprev

Secretário de Finanças de Barra Mansa comemora descentralização às análises da Comprev

Matéria publicada em 29 de junho de 2022, 20:29 horas

 


A partir de julho, consultas aos dados das Compensações Previdenciárias deixam de acontecer apenas em Brasília e voltam a ser feitas na região

Barra Mansa – O secretário de Finanças de Barra Mansa, Leonardo Ramos de Oliveira, se reuniu na última terça-feira (28) com o superintendente do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) no Rio de Janeiro, Caio Maia Figueiredo. A pauta do encontro foi a descentralização às análises da Comprev (Compensações Previdenciárias), que a partir de julho retornam a acontecer em Volta Redonda. Durante um ano e meio os dados só podiam ser consultados em Brasília.

A medida possibilitará reverter os impactos ao fluxo de caixa, causados pela centralização dos processos. Para se ter uma ideia, quando o procedimento ocorria na região eram analisados uma média de 15 processos por mês. Com as avaliações na capital do país, esse quantitativo sofreu uma expressiva queda, passando para duas análises ao ano. Com isso, o município perdeu um valor considerável, algo em torno de R$20 milhões em 18 meses.

– A preocupação da Secretaria de Finanças e do prefeito Rodrigo Drable é que a prefeitura continue honrando os compromissos salariais dos servidores aposentados. Se não fizéssemos nada, poderíamos prejudicar seus salários. Isso demonstra nosso grande compromisso com as pessoas. Não atribuímos o problema ao INSS, mas buscamos apresentar indicadores e mostrar os impactos no nosso fluxo de caixa para que esse problema fosse resolvido – destacou o secretário.

Leonardo Ramos de Oliveira também ressaltou a importância da reunião com o superintendente estadual.

– Este encontro foi para buscarmos uma solução colaborativa, para termos um canal direto com o INSS. Aproveitei o momento para reforçar a potencializar a nossa agência local, para que continue ativa e atendendo bem os munícipes. Estarei em Brasília para solicitar novas melhorias à superintendência do Rio de Janeiro, pois a limitação de recurso humano pode causar atrasos no andamento dos processos – explicou o secretário de Finanças.

A Comprev é uma espécie de “acerto de contas” entre o regime que paga a aposentadoria ou pensão do segurado (regime instituidor) e o regime do qual ele trouxe tempo de serviço e contribuição (regime de origem). A Prefeitura de Barra Mansa possui regime próprio, que é o Previbam (Fundo de Previdência Social de Barra Mansa).

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document