SES-RJ lança checklist para eliminar possíveis criadouros do mosquito da dengue

Material informativo pode ser baixado pela internet

by Lívia Nascimento

Estado do Rio – Com quase 50 mil casos de dengue em todo estado e o mesmo número de todo o ano passado, a Secretaria de Estado de Saúde (SES-RJ) segue reforçando a necessidade de conscientizar a população para eliminar os possíveis criadouros do mosquito Aedes Aegypti. Para isso, dentro da campanha “10 minutos salvam vidas”, a SES-RJ lançou um checklist com a finalidade de ajudar a identificar os locais onde o mosquito costuma colocar seus ovos.

No material informativo, disponibilizado no site da campanha, desenhos com os lugares onde as larvas do mosquito possam estar são representados junto com círculos que podem ser marcados para sinalizar que o local já foi vistoriado. Caixas d’água, vasos de planta, pneus, ralos, gavetas de geladeira e piscinas são alguns dos ambientes que precisam ser inspecionados.

Além do checklist, no endereço: http://www.10minutossalvamvidas.rj.gov.br, os internautas podem encontrar as informações sobre a eliminação do mosquito da dengue, como se proteger com uso de repelente e mosquiteiro, ser um agente de mobilização é multiplicar de esforços no controle da doença, além de baixar material gratuito da campanha.

Números da dengue:

Segundo o último panorama da dengue, divulgado na última sexta-feira (16), até 15 de fevereiro, foram registrados 41.252 casos de dengue em todo o estado, número equivalente a 80% dos casos notificados em todo o ano de 2023, quando o Rio de Janeiro teve 51.479 casos da doença.

Elaborado pelo Centro de Inteligência em Saúde (CIS) da SES-RJ, o boletim tem como diferencial o uso de um modelo de cálculo epidemiológico conhecido como nowcasting, que leva em conta o atraso de inserção de dados no sistema de vigilância.

O período analisado pelo boletim corresponde à Semana Epidemiológica 6 (SE 6), que vai de 04/02/2024 a 10/02/2024, incluindo o período de Carnaval. Foram registrados neste período 6.593 casos. Com base no modelo de análise, a secretaria estima que mais de 25 mil novos casos devem ser registrados para o período. Ou seja, cerca de 19 mil registros ainda devem entrar no sistema.

You may also like

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996