Sesc BM recebe Mostra de Curtas Pulsar

Festival de curtas-metragens conta com 17 filmes

by alice couto

Foto: Divulgação

Barra Mansa – A unidade do Sesc Barra Mansa recebe, durante o mês de julho, a Mostra de Curtas Pulsar, que apresenta um recorte da produção brasileira de curta-metragem nos últimos anos. Com curtas de Minas Gerais, Pernambuco, Bahia e Rio de Janeiro, a mostra conta com 17 filmes entre ficção, documentário, animação e propostas experimentais. O evento teve início na última terça-feira (2) e terá exibições até o dia 31.

O curtas-metragens em exibição foram selecionados através do Edital de Cultura Sesc RJ Pulsar 2023-2024. Além de Barra Mansa, as unidades de Campos, Copacabana, Duque de Caxias, Arte Sesc, Madureira, Niterói, Nova Iguaçu, São Gonçalo, São João de Meriti, Teresópolis e Tijuca também receberão exibições. Os ingressos são gratuitos.

O Edital de Cultura Sesc RJ Pulsar tem o objetivo de selecionar propostas artísticas para integrar parte da programação da instituição. A iniciativa se destina a fomentar e apoiar a produção artística e cultural, em suas diversas manifestações, além de estimular os processos artísticos em desenvolvimento, com a formação de público e com a inclusão social.

Confira a programação do evento:

1ª Sessão de Curtas: “Costurar afetos, cozinhar artifícios”: Sábado (6), às 15h

Classificação: 14 anos

Controle de Tráfego. Direção de Jackson Abacatu. Brasil / MG. 2021. 8 min. Ficção. Livre.

Manhã de Domingo. Direção de Bruno Ribeiro. Brasil / RJ. 2022. 25 min. Ficção. 12 anos.

Paraguaçu. Direção de Isabella Oliveira. Brasil / RJ. 2022. 10 min. Animação. Livre.

E Se For Sim. Direção de Bia Goldenberg e Matheus Ramalho. Brasil / RJ. 2020. 3 min. Experimental. 14 anos.

Afetadas. Direção de JEAN. Brasil / PE. 2021. 20 min. Documentário. 12 anos.

 

2ª Sessão de Curtas: “Regar memórias, revelar o invisível”: Sábado (13), às 15h

Classificação: 10 anos.

Joãosinho da Goméa, o Rei do Candomblé. Direção de Janaina Oliveira ReFem e Rodrigo Dutra. Brasil / RJ. 2020. 15 min. Documentário. Livre.

Tecido, Sigilo. Direção de Lucílio Jota. Brasil / RJ. 2021. 16 min. Documentário. Livre.

Espelho. Direção de Luciana Oliveira. Brasil / BA. 2022. 19 min. Ficção. Livre.

Ouro Para o Bem do Brasil. Direção de Gregory Baltz. Brasil / RJ. 2020. 18 min. Documentário. 10 anos.

Água de Cor. Direção de Ilana Paterman Brasil. Brasil / RJ. 2022. 8 min. Experimental. Livre.

 

3ª Sessão de Curtas: “Habitar as ruínas, contestar a cidade”: Sábado (20), às 15h

Classificação: 18 anos.

Quem de Direito. Direção de Ana Galizia. Brasil / RJ. 2022. 21 min. Documentário. Livre.

Interiores. Direção de Matheus Bizarrias. Brasil / RJ. 2021. 22 min. Ficção. 12 anos

Tempos de Caça. Direção de Diego Amorim. Brasil / RJ. 2021. 17 min. Ficção. 14 anos.

Vagalumes. Direção de Léo Bittencourt. Brasil / RJ. 2021. 19 min. Híbrido. 18 anos.

 

Sessão de Curtas infanto-juvenil: Sábado (27), às 15h

Classificação Livre.

Eu Nunca Contei a Ninguém. Direção de Douglas Duan. Brasil / PE. 2022. 11 min. Animação. Livre.

Olho Além do Ouvido. Direção de Bruna Schelb Corrêa e Luis Bocchino. Brasil / MG. 2021. 15 min. Ficção. Livre.

Poropopó. Direção de Luís Antônio Igreja. Brasil / RJ. 2021. 15 min. Ficção. Livre.

You may also like

Leave a Comment

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996