sábado, 19 de outubro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Lazer / Show “#ME RESPEITA” com Gabriel Hipóllyto

Show “#ME RESPEITA” com Gabriel Hipóllyto

Matéria publicada em 4 de maio de 2019, 09:00 horas

 


Após sucesso na cena carioca, músico voltarredondense se apresenta hoje no Teatro Gacemss I

Além de músico, Gabriel se destacou recentemente como ator no musical “O Primo da Califórnia”

Sucesso em terras cariocas, o músico voltarredondense, Gabriel Hipóllyto retorna a Cidade do Aço neste sábado (04) para apresentar seu mais novo trabalho “#ME RESPEITA”. O show acontece a partir das 19h30, no Teatro Gacemss I.
Sem se apresentar em Volta Redonda há pelo menos dois anos, Gabriel retorna à cidade em um momento muito especial da carreira, além de estar na estrada com o novo trabalho, ele recebeu recentemente a indicação de ator revelação de musicais no prêmio Musical Rio, pela sua participação no musical “O Primo da Califórnia” que lotou três diferentes casas de teatro no Rio de Janeiro durante a temporada de quase quatro meses em cartaz.
– Fiquei surpreso, pois não esperava prêmio para esse papel tão grandioso dentro de um processo coletivo. Foi a minha primeira experiência em protagonizar um musical, que tinha quase três horas de duração. Vou levar esse prêmio para o resto da minha vida com o gosto da importância de todo um trabalho em grupo feito com muita dedicação, talento e entrega de todos. Esse prêmio me deu ainda mais forças pra continuar essa jornada cheia de percalços e dificuldades, mas totalmente valiosa. E por fim, é sempre bom saber que a nossa arte chega e atinge as pessoas – diz o músico.
Gabriel lembra que a sua trajetória musical começou bem cedo, sob influência do pai, que também é músico.
– Comecei a cantar num grupo de dança, o ‘Flash Hits’, que meu pai comandava. De dançarino passei a ser cantor do grupo. Com o tempo, nunca mais parei de cantar – recorda.
Se dedicar à música profissionalmente foi aos poucos, o retorno do público influenciou muito na decisão de seguir na carreira.
– Quando via o retorno das pessoas em relação ao meu desempenho musical, começamos a investir na minha carreira – conta.
Com uma carreira já consolidada, está não é a primeira apresentação de Gabriel em sua terra natal, seu primeiro show aconteceu em 2016.
– A primeira vez que tive um grande retorno do público, em relação à minha arte de cantar e de compor músicas, foi em uma apresentação que fiz em 2016, no Centro Cultural da Fundação CSN, com o show “O Som do Coração” – conta.
De lá pra cá a evolução foi se encaminhando por diversos caminhos. Sobre os desafios, Gabriel conta que ele é diário e está diretamente ligado às oportunidades.
– Pra mim o desafio sempre é fazer. Porque hoje temos muito espaço pra poucos. Então, o desafio é sempre a luta de fazer algo. Desde um show de menor porte em bares até mesmo um show mais bem produzido, como esse de hoje do Teatro Gacemss – explica.
“#Me Respeita” traz um repertório autoral, em um espetáculo promete embalar corações no melhor estilo MPB e levar o swing pluralizado da negritude do cantor.
– Essa turnê veio de uma necessidade de colocar as minhas composições pra jogo. Daí veio despertando uma vontade de anos atrás que era fazer um show naquele teatro que é a maior casa cultural da cidade – conta acrescentando que o repertório foi pensado com amor “Quero dividir com o público minhas principais músicas autorais, mas também cantarei covers de artistas renomados que certamente irão agradar o público que curte MPB. Quero com esse repertório falar de amor de diferentes formas. Vou mostrar meu lado poeta, meu lado romântico e também o meu lado de pensar no bem comum, pois sonho poder viver num mundo inclusivo sem nenhum preconceito seja ele racial, de gênero, religioso, de orientação sexual e etc”.
Gabriel diz ainda que está ansioso para reencontrar com o público de Volta Redonda.
– Espero poder dar o meu melhor a essa cidade, com arte e mostrar para outros artistas que eles podem fazer aquilo que sonham. Espero também reencontrar o público que sempre me acompanha e alcançar novas pessoas nessa cidade que eu tanto amo. Minha arte existe para o público. Esse é o grande sentido de tudo- finaliza.

Por: Amanda Teixeira – amandateixeira@diariodovale.com.br


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. Avatar

    Sucesso meu jovem, diria muita merda pra vc!

Untitled Document