quinta-feira, 2 de dezembro de 2021 - 16:22 h

TEMPO REAL

 

Capa / Destaque / Smel utiliza Ginásio do Açude para retomada de atividades esportivas

Smel utiliza Ginásio do Açude para retomada de atividades esportivas

Matéria publicada em 11 de outubro de 2021, 10:14 horas

 


Espaço oferece atividades para crianças, adolescentes, adultos e idosos; neste mês, grupo da terceira idade lembra o ‘Outubro Rosa’ durante as aulas

Crianças, adolescentes, adultos e idosos praticam atividades físicas nos espaços disponíveis (Foto: Divulgação)

Volta Redonda – A Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Smel) de Volta Redonda vem retomando atividades esportivas no município. De acordo com a assessoria da prefeitura, Volta Redonda, que conta com dez ginásios poliesportivos – todos abertos à comunidade -, segue os protocolos de prevenção à Covid-19 durante as atividades nos espaços para a prática esportiva para crianças, adolescentes, adultos e idosos.

No Ginásio Poliesportivo Nery Miglioli, no Açude, o Programa Melhor Idade recebe os alunos com 60 anos ou mais as terças e quintas-feiras pela manhã; as aulas de ginástica para jovens e adultos até 59 anos são as segundas e quartas, às 7h15; a dança infantil atende crianças de cinco a 15 anos, as segundas e quartas, às 9h e 14h; o treino de taekwondo também é nas segundas e quartas, às 9h e 14h.

O local ainda oferece dança de salão toda segunda-feira, às 8h; e duas turmas de futsal, o grupo sub-17 treina as terças e quintas-feiras, às 15h30; e o grupo sub-13 faz aulas as segundas e quartas, às 10h. Para ministrar essas aulas, o ginásio conta com quatro professores e uma estagiária.

Para participar das atividades dos ginásios poliesportivos, basta procurar um dos professores nas unidades mais perto do seu bairro. No Açude, os horários de funcionamento são de segunda a quinta, das 7h às 11h e das 14h às 17h; e na sexta-feira, das 9h às 11h.

O professor Ivan dos Santos atua no Ginásio do Açude é um entusiasta das atividades abertas à comunidade. “O ginásio é um espaço de incentivo à prática de atividades esportivas. O resultado é mais saúde física e mental e, principalmente, para as crianças disciplina, interação social e muito mais”, disse.

Ele contou ainda que o grupo da terceira idade é o mais animado. “Neste mês, por exemplo, a turma resolveu chamar atenção para a campanha ‘Outubro Rosa’, de conscientização sobre a prevenção e diagnóstico do câncer ginecológico e de mama. De maneira voluntária, os alunos farão as aulas de camiseta rosa durante todo mês”, contou Ivan.

Terapia Comunitária

O Ginásio do Açude também participa da Terapia Comunitária, em parceria com o setor de Saúde Mental da Secretaria de Saúde. O objetivo é fazer uma roda de conversa, em espaço aberto, público, em virtude da pandemia. As conversas são conduzidas por três terapeutas capacitados para o acolhimento do sofrimento. Durante a prática, as pessoas compartilham suas inquietações, os problemas e dilemas, bem como as conquistas, alegrias e histórias.

As rodas de conversa acontecem nos bairros durante as atividades físicas promovidas pela Smel. A atividade está sendo ofertada inicialmente em 11 bairros, com previsão de expansão para outros locais. São eles: 249, Rústico, Niterói, Aterrado, Vila Mury, Retiro, Açude, Santo Agostinho, São Luiz, Vila Santa Cecília e Três Poços. Cerca de 120 pessoas participam por semana.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document