quarta-feira, 20 de novembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Talento mirim de Volta Redonda precisa de ajuda financeira para viagem na Itália

Talento mirim de Volta Redonda precisa de ajuda financeira para viagem na Itália

Matéria publicada em 12 de julho de 2019, 11:47 horas

 


Lázaro Batista de Oliveira Silva, de nove anos, precisa de R$ 10 mil para intercâmbio em Roma

Aniversário de dez anos de Lázaro será em agosto, mas espera receber o presente em dezembro
(Foto: Ana Paula Batista)

Volta Redonda –  Um dos talentos mirins do clube A.S Roma Academy de Volta Redonda vem se destacando nos campeonatos que participa, e no final deste ano, tem a oportunidade de viajar com o clube para Roma, na Itália, onde vai participar de um intercâmbio cultural e esportivo, mas para isso necessita de uma arrecadação de R$ 10 mil para arcar com as despesas da viagem. Lázaro Batista de Oliveira Silva, de nove anos, é um dos destaques do time sub 11, sendo caracterizado por ter um “canhão” na perna direita pelo técnico, João Paulo Natividade de Freitas.

Lázaro é de Volta Redonda, mora no bairro São Luiz e estuda na Escola Municipal José Fontes Torres, joga como pivô no futsal e como atacante no futebol Society. Segundo a mãe, Ana Paula Batista, o menino joga bola desde os cinco anos e está no clube há dois ou três.

– Meu filho treina futsal no SESI e através de lá, ele foi convidado a fazer parte do Roma de Volta Redonda. Mês que vem ele vai fazer 10 anos e quero muito que ele vá ao intercâmbio, mas não temos condições para pagar – comentou a mãe de Lázaro.

Para o técnico do clube A.S Roma Academy de Volta Redonda, João Paulo Natividade de Freitas, o atleta é um menino de ouro e acredita no seu potencial.

– O Lázaro é um menino de ouro, educado, bom garoto, sempre escuta os professores e disposto a ajudar os colegas. Ele está conosco há três anos, muito bom de bola, tem um canhão na perna direita. Já disputamos vários torneios, inclusive o Campeonato Carioca, há dois anos, quando ele fez o gol na vitória contra o Botafogo – ressaltou o técnico.

Arrecadação

Para Lázaro viajar com o time para Roma, na Itália, é preciso que ele consiga R$ 10 mil para pagar as contas, por isso sua mãe, Ana Paula Batista, se mobilizou nas redes sociais, nesta semana, para arrecadar a quantidade até dezembro, quando será a viagem.

– Eu trabalho como doméstica e não tenho condições para bancar os custos, por isso comecei a pedir ajuda nas redes sociais, na segunda-feira (8), para que o Lázaro possa viajar. Luto todos os dias para que meu filho realize o sonho dele, de ser jogador de futebol profissional – comentou a mãe.

A arrecadação que Ana Paula está fazendo é de vender bebidas e salgados como: água, refrigerante, salgado e bolo de pote, no próximo sábado, perto do Clube Náutico, no bairro Aterrado, em Volta Redonda. A doméstica também pretende conversar com representantes de supermercados da cidade para organizar um almoço no intuito de arrecadar fundos. A mãe criou uma conta no site Vaka Me, onde são realizadas campanhas online para que os usuários possam fazer “vaquinhas”.

Interessados em ajudar podem entrar em contato através do telefone: (24) 99907-8487 ou pelo link http://vaka.me/636742

Intercâmbio

O intercâmbio do clube vai acontecer entre os dias 13  e 23 de dezembro deste ano, onde os atletas vão fazer visitas no Centro Histórico de Roma e o Centro de Treinamento do clube A.S Roma profissional e das categorias de base, além de assistir ao jogo do Campeonato Italiano, que vai acontecer no estádio Olímpico de Roma.

Os times das categorias sub 7, sub 9, sub 11 ,sub 13 e sub 15 vão ter a oportunidade de viajar para outro país com os professores.

Time vai disputar a final da Copa Ouro 2019 amanhã, às 10h, no Raulino
(Foto: AS. Roma Academy Volta Redonda)

Clube

O clube A.S Roma Academy está há três anos em Volta Redonda. Neste final de semana, o time sub 11 vai participar da final da Copa Ouro 2019, no próximo sábado (13), às 10h, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, contra o time Vila Nova.

Os interessados em se inscrever no time devem se matricular na secretaria do clube, que fica no Clube dos Funcionários, na Rua 90, na Vila Santa Cecília.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

14 comentários

  1. Avatar

    Alguns comentários acima mostra a real face da sociedade brasileira. Pessoas julgando a atitude da mãe em querer que o filho faça um intercâmbio de futebol na Itália. Se a mãe quer, o menino quer, e se pessoas podem ajudar qual é o problema? Não se discute que educação vem em primeiro lugar, mas uma experiência esportiva internacional será muito importante também. E detalhe: a mãe não falou que o menino vai para ser jogador. Pessoal, vamos orientar e ajudar sem julgar.

  2. Avatar
    Grumete de Jangada

    Hoje em dia o que mais tem é gente pedindo dinheiro, nas ruas e redes sociais, seja para o pão ou para o sonho. Dizem estar ajudando, mas geralmente só divulgam e compartilham as necessidades alheias, além do famoso “apoio moral”, mas meter a mãozinha no próprio bolso ninguém faz.

  3. Avatar

    Apesar de concordar com todos os comentários abaixo, entendo perfeitamente a luta dessa mãe. .tenho um filho de 5 anos também apaixonado por futebol e ver o olhinho dele brilhar qdo faz gol no treino de futsal não tem preco!!

  4. Avatar

    É a falsa ilusão de se ficar “rico” em tempo recorde. É o imediatismo vendido para a juventude; muitas das vezes alimentados por familiares, como se fosse morrer amanhã. Faça cotização para os estudos, para ter um futuro melhor e sem desilusões.

  5. Avatar

    Vendedores de ilusões. Peça ajuda financeira p pagar seus estudos, vá aprender idiomas, se prepare p uma boa universidade, se possível no exterior, e não se iluda com os cantos das sereias. Se queres ser alguém na vida, estude, porquê este é o único caminho, o resto é ilusão.

  6. Avatar

    O time pensa no coletivo sim, realmente teve barraca na festa junina, vai ter rifa e outras coisas para arrecadarem dinheiro para abater no valor da viagem de todos os atletas que vão, pois não irá uma criança só mas várias.

    • Avatar

      Pensa no coletivo arrecadando dinheiro do bolso alheio, fazendo rifa como se fosse um clube pobretão, tipo um Barra Mansa da vida? Beleza…

    • Avatar

      Infelizmente as pessoas falam o que não sabem , se não pode ajuda não quer e não acha legal é o direito de cada um , respeito a opinião das pessoas mas por favor antes de sair falando o que não sabe procuram saber primeiro pra depois , o Roma não fez arrecadação para o meu filho e sim para o time em si , e outra meu filho tem várias oportunidades e ajuda no time que em outro ele não teria .procuram saber primeiro antes de comentar

  7. Avatar

    Tem o Voltaço, que tem uma base excelente, ou até mesmo clubes grandes do Rio, SP, BH… Muito novo, um dia pode jogar no estrangeiro passando pelo caminho usual, sendo talentoso e disciplinado … Enfim, cada cabeça sua sentença, mas esse tipo de “sonho” eu não ajudo, desculpe-me a franqueza…

  8. Avatar

    concordo totalmente com o comentário do Leitor.
    o VOLTAÇO, reservando seus direitos, tem colocado inúmeros garotos em grandes clubes como vasco, Flamengo, Fluminense, são paulo, Cruzeiro, Atlético mg.

  9. Avatar

    Se fosse realmente bom o clube pagaria as despesas

  10. Avatar

    Os melhores de Volta Redonda são Voltaço,Sesi e Náutico.

    Não necessariamente nessa ordem.

    Vc já está no Sesi.

    Faz um teste para o Voltaço.

    Vai lhe dar maior visibilidade!

    • Avatar

      Sei que o pessoal do Roma fez uma barraquinha na festa Julina do funcionários para arrecadar dinheiro para essa viagem. Dá a arrecadação para abater a viagem do garoto!

      Tem um monte de pais aí que são empresários, ajudem o menino que ajuda a levar a vitória o filho de vcs .

      Façam bingos, rifa…
      Afinal, isso é um time ou não?
      Time pensa no coletivo e não cada um por si!

Untitled Document