segunda-feira, 24 de junho de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / Terapia holística vira opção para quem busca bem estar

Terapia holística vira opção para quem busca bem estar

Matéria publicada em 20 de maio de 2019, 09:41 horas

 


Trabalhos geralmente são realizados em grupos, onde o objetivo é ajuda mútua em busca do autoconhecimento

Por Lílian Silva

Tratamentos são feitos normalmente em grupos e objetivo é ajuda mútua em busca do autoconhecimento
(Foto: Divulgação)

Volta Redonda – De um lado, uma parcela da população, brigando por beleza, corpo perfeito. Do outro, os que preferem medicações rápidas, alheios aos efeitos colaterais. Nesse divisor de águas, surgem os que defendem a terapia holística destinada a tratar o indivíduo como um todo. A proposta vem ganhando espaços cada vez maiores no dia a dia das pessoas.
Em Volta Redonda, a história se repete e em diversos locais é possível encontrar um grupo ofertando terapias diversificadas. Mas, todas, com um mesmo propósito: tratamento global unindo diversas técnicas em busca do bem estar. E mais: os trabalhos geralmente são realizados em grupos, onde o objetivo é ajuda mútua em busca do autoconhecimento.

– Quando trabalhos em grupo um ajuda o outro a se conectar melhor e vibrando na mesma energia, tudo flui perfeitamente – ressaltou a terapeuta holística, artista plástica e produtora executiva de eventos, Melissa Pagano, ressaltando que a finalidade desses espaços é “estar em um estado mental, emocional, espiritual e físico tranquilo”.

A terapeuta afirma que esse propósito de desacelerar pode parecer enganoso, mas com o tempo se torna fundamental para os adeptos dessas terapias. Melissa lembra que a rotina cada vez mais cansativa, aliada à angústia, pensamentos negativos fazem parte da realidade da sociedade, “mas tudo isso deve ser trabalhado em busca do bem estar do indivíduo”.

Ela vai mais longe e garante que deixar de enfrentar medos é preocupante, pois a partir daí surgem as frustrações, desconforto, preocupação, irritação, indignação, nervoso e desamparo.

Mas como sair disso? A terapeuta holística diz que a resposta está justamente em fixar a atenção no presente, que ao contrário do que se pensa, faz com que a vida seja encarada sob novas perspectivas, gerando menos ansiedade. Além disso, os centros holísticos focam as atenções nas terapias alternativas com aromas, massagens, toques, sons, experiências sensoriais, trabalhos de limpeza energética, contato com a natureza, entre outros, que se tornam ferramentas que aliviam sensações ruins e beneficiam o organismo, reiniciando o sentido de bem-estar e satisfação.

Olhar para dentro

Os métodos variados ofertados por esses grupos garantem ajuda para o enfrentamento de diversos problemas como insônia, medo, ansiedade, dores físicas ou musculares e bloqueios energéticos. Os resultados, de acordo com frequentadores desses locais, são tão animadores que manter uma rotina de tratamento é quase um dever de casa diário.

– É tanta paz que encontramos e a troca de energia é tão revigorante que perdemos a noção do tempo quando estamos aqui – disse a professora, Priscila Nascimento, adepta do tratamento de Reike, lembrando que outro bom motivo é o trabalho conjunto em grupos, que ajudam a despertar a sensação de equilíbrio e tranquilidade.

Alopatia

Mas vale lembrar que todo o trabalho realizado nestes centros holísticos, segundo Melissa, é através de técnicas e avaliações profissionais que determinam o tratamento adequado. A profissional afirma que, se perceber a necessidade de apoio psicológico ou psiquiátrico, o cliente é alertado. Nestes casos o trabalho holístico pode ser mantido, pois de acordo com os profissionais dessa área, a medicina tradicional pode ser usada em conjunto com a terapia holística.

– O holismo acredita que cada indivíduo é único e que todas essas características têm influências umas sobre as outras, portanto uma técnica complementa a outra. Fazendo uso de vários métodos diferentes, podemos detectar o que está realmente gerando desequilíbrio e tratamos diretamente a causa disto – ressaltou Melissa, lembrando que cada pessoa pode utilizar vários métodos simultaneamente durante o tratamento.

Jovens

Outra meta desses centros holísticos é desfazer é a ideia de que os locais são frequentados apenas por idosos, aposentados e ricos. Para isso tema como depressão, por exemplo, que atinge boa parte dos jovens, entrou na lista de palestra em um desses centros holísticos, que pretende reunir um público bem diversificado, porém mais jovem.

A meta do grupo é ainda desmistificar a ideia de que esses tratamentos são caros e não cabem no bolso da maioria dos brasileiros. Algumas técnicas e produtos já estão, inclusive, sendo receitados pelo SUS (Sistema Único de Saúde), principalmente para pacientes em período de menopausa.

E ainda: para atrair cada vez mais pessoas quem chega e estes locais se depara com os valores taxados da seguinte forma: “moeda de troca”, com custo simbólico. Dessa forma os seguidores do holismo afirmam que a energia positiva se torna permanente nesses locais.

Terapias

O contato com a natureza é uma das formas de aliviar as sensações ruins e dessa forma surge a Horta Terapia ou o incentivo em buscar na natureza a paz interior.

Música
Cantos, mantras, músicas, invocações e simples palavras mostram a intensidade do som para atuar no sentido da harmonia, com um verdadeiro potencial purificador. Refrescar o corpo e a mente com sons agradáveis, partindo do princípio de que as ondas sonoras são vibrações que podem ser percebidas, é um sinal claro do sentido agregador ou desagregador do som, com sua reverberação no psicológico dos ouvintes. O som pode influenciar na pressão arterial, na circulação sanguínea, na respiração, nas ondas cerebrais e no comportamento das moléculas.

Plantas

Sustentada no efeito psicológico que os cheiros incitam nas pessoas, a aromaterapia vem sendo usada para sanar desordens emocionais e promover novos comportamentos e sensações. A terapia é um recurso bem utilizado no dia a dia desses profissionais.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document