terça-feira, 7 de julho de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Tempo Real / Três crianças morrem em incêndio em Paraty

Três crianças morrem em incêndio em Paraty

Matéria publicada em 24 de janeiro de 2020, 09:52 horas

 


As vítimas tinham dois, quatro e sete anos.

As causas do incêndio ainda são desconhecidas (Foto: Reprodução)

Paraty – Três crianças morreram em um incêndio na manhã desta sexta-feira (24), em Paraty. As crianças estavam em uma residência, localizada na Rua Primeiro de Maio, no bairro Ilha das Cobras. As vítimas são: uma menina de 7 anos, outra de 4 anos e um menino de 5 anos. Todos eram irmãos.

Após perceberem as chamas, vizinhos da família entraram em contato com a polícia e o Corpo de Bombeiros foi acionado. Moradores e policiais ainda tentaram ajudar as vítimas, enquanto aguardavam a chegada dos bombeiros.

Quatro pessoas estavam na residência quando o incêndio começou. A mãe das crianças, única sobrevivente, foi socorrida e levada para o Hospital Municipal de Paraty. As causas do incêndio ainda são desconhecidas.

Segundo o delegado titular da 167ª DP (Paraty), as causas do incêndio serão investigadas. Ele lamentou o ocorrido.

– Recebemos a triste notícia do falecimento de três crianças num incêndio, nesta manhã, em uma casa no bairro Mangueira em Paraty. A mãe das crianças foi socorrida para o hospital e recebe todo cuidado médico. Imediatamente, instauramos procedimento para averiguar a causa e as circunstâncias do fato; também foi acionada a perícia técnica de local para confecção do laudo pericial e demais medidas necessárias. Meus sentimentos aos familiares das vítimas – disse.

Nota

Em nota, a Prefeitura de Paraty lamentou a morte das crianças e informou que, Dara Cristina de Almeida Santos, de 25 anos, mãe das vítimas, não teve queimaduras, mas inalou muita fumaça e foi encaminhada para o Hospital Municipal Hugo Miranda, em estado grave. A nota afirma que a mãe das crianças está recebendo todo o acompanhamento médico necessário.

A Prefeitura determinou que seja dado todo o suporte necessário à família e também informou que acionou o delegado titular da 167ª DP (Paraty), Marcelo Russo, para pedir a agilização da perícia médica para a liberação dos corpos. A Prefeitura também vai solicitar à polícia prioridade absoluta para a apuração das causas do acidente.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

2 comentários

  1. Avatar

    Meu Deus que tristeza.

  2. Avatar

    falei hoje em dia as pessoas estao tao viciadas no bate papo no zap zap e facebook que esquecem de tomar conta das crianças , pais estao esquecendo filhos dentro do carro com sol de 40 graus , pais deixam janela aberta em predio e crianças tem caido de predios , pais deixam garrafa de alcool e produtos quimicos no alcance de crianças , criança é bagunceiro se nao tiver um adulto vigiando o tempo todos as crianças põe até fogo na casa .

Untitled Document