quarta-feira, 12 de agosto de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Região / Vinte e sete veículos do transporte público de Volta Redonda são notificados pela prefeitura

Vinte e sete veículos do transporte público de Volta Redonda são notificados pela prefeitura

Matéria publicada em 9 de julho de 2020, 18:24 horas

 


Volta Redonda – A STMU (Secretaria Municipal de Transporte e Mobilidade Urbana) fiscalizou o transporte público em quatro pontos de grande circulação de passageiros, nesta semana, em Volta Redonda. A ação foi realizada na Avenida dos Trabalhadores, ponto da Rodoviária, na Avenida Amaral Peixoto, ambos no Centro, e na Avenida Paulo de Frontim. Nesta sexta-feira (10), os fiscais estarão na Vila Santa Cecília.

Nos dois primeiros dias de fiscalização (07 e 08), foram vistoriados 30 veículos, sendo que 27 foram notificados para afixar os cartazes obrigatórios, com informações como troco obrigatório e disque denúncia, e o quadro de horários da linha; e houve uma notificação por má conservação do veículo, que circulava com banco rasgado.

Fiscalização

Equipe de fiscais avaliam se o serviço obedece as normas sanitárias de prevenção à Covid-19, como: como sanitização dos veículos; o uso da máscara, obrigatório para passageiros e operadores do transporte público; e fazem uma análise razoável da lotação dos carros. Ainda são avaliados itens de manutenção e segurança dos veículos como o estado de conservação, incluindo acentos, pneus e vidros; e ainda se as informações obrigatórias estão visíveis para os passageiros.

O prefeito Samuca Silva destacou que a fiscalização está apresentando resultados.

– A sanitização dos veículos e o uso da máscara por passageiros, motoristas e trocadores, obrigatórios no transporte público, tem sido obedecidos pelas empresas. Essas normas de prevenção à saúde evitam o contágio pelo novo coronavírus. Sabemos que o ônibus é fundamental para a maioria das pessoas chegarem aos postos de trabalho, consultas médicas e outros compromissos que não podem ser adiados por conta da pandemia da Covid-19. E é obrigação do poder público garantir a segurança dessas pessoas – concluiu.

STMU notificou veículos que estavam sem cartazes com informações obrigatórias
( Foto: Evandro Freitas)

Mais fiscalização

A prefeitura de Volta Redonda fiscaliza diariamente o funcionamento das atividades econômicas, levando em conta as medidas restritivas de prevenção à Covid-19. Também foi criado um cinturão de segurança em torno do município, que restringe o acesso de veículos com pessoas de outras localidades. Equipes estão localizadas em pontos estratégicos nos bairros Santa Inês, Jardim Amália, São Luiz, Vila Elmira, Jardim Belmonte, Santa Rita Zarur, Santo Agostinho, além da Rodovia dos Metalúrgicos. O controle é feito também com barreiras físicas (com manilhas) em alguns acessos.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

4 comentários

  1. Avatar

    Aqui no bairro açude a linha sul Fluminense horrível ministério público e federal ajudar a comunidade ser horário a cidade do aço estava atendendo bem mais muito coisa para o prefeito nos ajudar ministério público e federal socorro

    • Avatar

      Aqui no Açude dos poucos ônibus que circulam , alguns deveriam ser tirados de circulação de tão velhos que estão. Essa conversa fiada de fiscalização ,que os ônibus estão sendo higienizados é mentira . É pra dizer que estão trabalhando . Não somos bobos seu prefeito !

  2. Avatar

    Muito boa a fiscalização de volta redonda,pra ficar melhor deveria fiscalizar os ônibus da cidade de pinheiral ,que demora demais anda super lotado em plena pandemia ,e e mal estado de conservação

    • Avatar

      Ajude os moradores da região leste que e atenda pela viação agulhas negras empresa não cumpre horário ônibus com bancos rasgados soltos.
      Ajuda nos samuca

Untitled Document