Volta Redonda realiza força-tarefa contra a dengue no antigo Hospital São Camilo

Eliminação de possíveis focos do Aedes aegypti e limpeza do local foram realizadas com apoio das secretarias de Saúde, Ordem Pública e de Infraestrutura

Por Mayra Gomes
173 Visualizações

Foto: Divulgação.
Secom/PMVR

Volta Redonda – Equipes das secretarias municipais de Saúde (SMS), Ordem Pública (Semop) e de Infraestrutura (SMI) de Volta Redonda realizaram nessa quarta (7) e nesta quinta-feira (8), nas instalações do antigo Hospital São Camilo, na Vila Santa Cecília, mais uma ação da força-tarefa de prevenção e combate à dengue, com a eliminação de possíveis criadouros do mosquito Aedes aegypti e limpeza do local.

Segundo a coordenadora da Vigilância Ambiental (ligada à SMS), Janaína Soledad, os agentes vistoriaram parte do prédio – onde estavam várias pessoas em situação de rua – e constataram que o local apresentava várias situações de risco. Por isso, uma equipe da secretaria de Infraestrutura esteve no prédio ainda na quarta-feira para iniciar o serviço de limpeza, com o esvaziamento da caixa d’água, retirada de entulho e eliminação de possíveis focos.

Acompanhada por guardas municipais e agentes da Semop, a Vigilância Ambiental esteve mais uma vez no antigo São Camilo na manhã desta quinta e constatou que havia uma grande quantidade de mosquitos adultos, sendo necessária a aplicação do fumacê UBV.

“A ação foi realizada já na manhã desta quinta-feira com os agentes utilizando o UBV costal, terminando de eliminar possíveis situações de risco”, declarou Janaína Soledad, acrescentando que, ainda no período da tarde, a SMI retornaria ao prédio para concluir a limpeza e retirada de entulhos.

O secretário municipal de Ordem Pública, tenente-coronel Luiz Henrique Monteiro Barbosa, reforçou que, assim como na segurança pública, o combate à dengue se faz com a participação de todos.

“A melhor forma de nos protegermos é não deixar o mosquito nascer. E para conseguirmos vencer esta guerra, precisamos do auxílio de todos na eliminação da água parada do ambiente. Dez minutos na semana para vistoriar a casa e o quintal já é o suficiente contra o Aedes aegypti. Contem com a Ordem Pública”, disse Luiz Henrique.

 

Outras vistorias na Vila Santa Cecília

A Vigilância Ambiental destaca que o Recreio do Trabalhador, também localizado na Vila Santa Cecília, é vistoriado regularmente por suas equipes e pela própria equipe da CSN (Companhia Siderúrgica Nacional), já que a área é de propriedade particular. A obra de expansão em andamento do Sider Shopping também é constantemente vistoriada pelos agentes de endemia da Vigilância Ambiental.

Caso a população queira denunciar algum possível foco de dengue, a situação pode ser informada pelo número 156 ou diretamente com a Vigilância Ambiental, de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h, pelo número (24) 99233-4480.

 

Advertisement

VOCÊ PODE GOSTAR

1 Comentário

ALEXANDRE MARQUES 8 de fevereiro de 2024, 14:47h - 14:47

já passou da hora, lá está abandonado há mais de cinco anos

Responder

Deixe um comentário

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

 

(24) 99926-5051 – Jornalismo

 

(24) 99234-8846 – Comercial

 

(24) 99234-8846 – Assinaturas

Canal diário do vale

colunas

© 2023 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996