terça-feira, 7 de dezembro de 2021 - 18:50 h

TEMPO REAL

 

Capa / Tempo Real / MP deflagra operação contra suspeitos ligados à facção criminosa em Volta Redonda e Angra dos Reis

MP deflagra operação contra suspeitos ligados à facção criminosa em Volta Redonda e Angra dos Reis

Matéria publicada em 24 de fevereiro de 2021, 08:03 horas

 


“Operação Mercans” contra o tráfico de drogas também acontece em Belford Roxo; ação tem objetivo de cumprir dez mandados de prisão preventiva e 52 de busca e apreensão

Angra dos Reis – Uma operação conjunta entre Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), em parceria com a Coordenadoria de Segurança e Inteligência, a Subsecretaria de Inteligência e a Corregedoria-Geral da Polícia Militar, foi deflagrada na manhã desta quarta-feira (24), para cumprir dez mandados de prisão preventiva e 52 de busca e apreensão contra supostos traficantes que atuam em Volta Redonda, Angra dos Reis e Belford Roxo, na Baixada Fluminense. Os mandados foram expedidos pela 1ª Vara Criminal de Angra dos Reis.

De acordo com a denúncia, a investigação identificou que os 38 denunciados são, supostamente, vinculados a uma facção criminosa voltada para o tráfico de drogas no Parque Mambucaba, em Angra. Através de monitoramento autorizado pela Justiça, foi possível verificar que além da venda ilegal de drogas, o suposto grupo criminoso realiza transporte de armas, pratica homicídios e extorsões, além de envolver menores de idade em suas práticas ilegais.
 
A denúncia é dividida em núcleos de atuação, com base principal para comercialização da droga em Angra dos Reis, mas com atuação integrada aos núcleos de Belford Roxo e Volta Redonda. Segundo o MPRJ, dois homens foram identificados como líderes do grupo e, sob a ordem deles, de acordo com a denúncia, atuam sete gerentes do tráfico, que têm por função principal a recepção e o repasse de drogas, armas, munições e qualquer material ilícito determinado pelos líderes. A denúncia aponta que os gerentes, por sua vez, contam com o auxílio dos demais denunciados para funções como o recebimento e a ocultação de entorpecentes e demais materiais ilícitos, a distribuição do material junto aos demais integrantes e o recebimento de valores obtidos com a venda de drogas, entre outras tarefas.
 
O MPRJ ofereceu denúncia, contra os integrantes identificados, pelo crime de associação para prática de tráfico de drogas, majorado pelo emprego de violência, grave ameaça e emprego de arma de fogo como forma de intimidação coletiva e por envolver ou atingir criança e adolescente. Foram expedidos, ainda, pela Auditoria de Justiça Militar, mandados de busca e apreensão contra policiais militares investigados por agirem de forma conivente com a referida associação. As informações são da assessoria de imprensa do MPRJ.
Procurado

O Disque Denúncia (0300 253 1177) reforçou, na manhã desta quarta-feira (24), que um dos investigados na “Operação Mercans”, é Luiz Gustavo da Silva Rosa, vulgo Bicheiro, com foto divulgada no Portal dos Procurados desde janeiro deste ano.

Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document