segunda-feira, 17 de maio de 2021 - 20:28 h

TEMPO REAL

 

Capa / Política / Alexandre Serfiotis se reúne com líderes religiosos

Alexandre Serfiotis se reúne com líderes religiosos

Matéria publicada em 16 de abril de 2021, 17:16 horas

 


Alexandre Serfiotis fala a líderes religiosos sobre medidas de prevenção contra a Covid-19
Foto: Fabiano Sabino – PMPR

Porto Real – O prefeito de Porto Real, Alexandre Serfiotis, com seu vice, Rafael de Carvalho, e uma comissão formada por representantes das Secretarias de Ordem Pública, Saúde e o setor de Fiscalização, se reuniu na manhã desta sexta, 16, com diversos líderes religiosos do município. O objetivo foi abordar formas de como alinhar as ações do poder público e dos centros religiosos, criando assim estratégias para combater o avanço da Covid-19.

A reunião foi aberta pela superintendente de Saúde, Juliana Azevedo da Silva, e pela diretora de Atenção Básica, Cleonice da Silva, que fizeram uma apresentação dos dados e ações da Saúde durante a pandemia. Durante a apresentação foi explicado o número acentuado de notificações, que acontece devido aos testes realizados através da Central de Triagem.

— Na unidade acoplada ao Hospital é realizado a testagem, triagem, consulta, exame de sangue, e se preciso, os demais atendimentos como internação — explicou Juliana.

Já Cleonice destacou os planos e metas de ações para conter a Covid, com o trabalho das Secretarias na fiscalização e esforço contínuo para a vacinação (drive-thru e força-tarefa). “

— É primordial o suporte e a consonância entre poder público e os líderes religiosos para atuar nesse combate. Isso nos ajuda nas vistorias pela saúde com a Guarda Civil Municipal — disse a coordenadora, que finalizou sua fala fazendo um convite aos lideres religiosos.

— Nós realizamos na sede da SMS um encontro para estabelecer as nossas metas semanais e os líderes estão convidados para participarem ou enviarem representantes — finalizou.

Depois a palavra foi passada para o secretário de Ordem Pública, Jorge Porto, que também reforçou o trabalho conjunto entre diversas Secretarias para a conscientização da população: “Temos intensificado a as vistorias aos fins de semana, e também, no meio da semana para atender pedidos da população. Mas é sempre importante alinhar essas medidas do município junto aos líderes religiosos, pois estes reforçam junto aos fiéis a necessidade de adequação ao momento que vivemos, onde a precaução é uma das melhores medidas”, disse Jorge.

Em seguida os Lideres Religiosos levantaram suas questões. Um dos pastores presente relatou sua experiência pessoal com a Covid-19, a fim de contribuir para o atendimento na Central de Triagem. Outro pastor pediu novos ajustes para evitar aglomerações até mesmo dentro das igrejas e também mais intensificação nas fiscalizações no comércio. Por fim, todos os líderes se puseram à disposição para acatar e divulgar os protocolos, e também, cobram dos fiéis e dos líderes a utilização dos equipamentos de proteção.

— Somos educadores do dia-a-dia. Proporcionamos uma mudança na vida das pessoas, fazendo com que elas alcancem uma conscientização maior através das ações divinas — disse um dos lideres.

Para finalizar, o prefeito e o vice destacaram a organização das igrejas em seguir os decretos e protocolos do município.

— Não há por parte de nós governantes a vontade de fazer um ‘lockdown’, porém isso passa por todos, inclusive os centros religiosos. Essa sensibilidade das igrejas tem ajudado a conter o avanço da pandemia, mas ainda devemos continuar lutando, pois as igrejas são os locais mais seguros, tanto pelo segmento dos protocolos, quanto pelo amparo religioso, que traz esperança aos fiéis — enfatizou Alexandre Serfiotis.

Já Rafael falou de algumas medidas que serão tomadas pelo Governo nos próximos meses. “Através da abertura do processo seletivo preencheremos o quadro de funcionários das USF para melhorar o atendimento. Também planejamos preconizar o atendimento aos moradores, evitando assim complicações maiores nos casos positivos de Covid. Também iremos organizar futuras reuniões com comércio e academias, para termos a mesma percepção sobre as medidas e necessidades que eles apresentam”, concluiu o vice.

 

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document