sexta-feira, 6 de dezembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Tempo Real / PMs participam de revezamento em Barra Mansa e representam Polícia Militar

PMs participam de revezamento em Barra Mansa e representam Polícia Militar

Matéria publicada em 29 de julho de 2016, 09:30 horas

 


Entre eles estava Alexsander de Oliveira Silva, de 36 anos, ferido num atentado numa comunidade carioca em 2011

DSC_0100

Soldado Alexsander (à esquerda) teve as pernas amputadas após ser ferido por uma granada Diorgenes (à direita) faz, há 4 anos, um projeto de integração voltado para a área esportiva
(Foto: Paulo Dimas)

Barra Mansa- Foram pouco mais de cinco minutos que ficarão marcados na vida dos policiais militares Alexsander de Oliveira Silva, de 36 anos, e Thiago Diorgenes Silva Neto, de 30 anos. Eles foram os primeiros representantes da Polícia Militar a carregarem a chama olímpica durante o revezamento da tocha, na tarde de quinta-feira (28) em Barra Mansa.

O soldado Alexsander teve as pernas amputadas após ser ferido na explosão de uma granada durante um ataque de traficantes no Morro da Coroa, em 25 de junho de 2011. Depois de 23 dias internado no Hospital Central da Polícia Militar (HCPM), o policial militar saiu decidido a encarar os novos desafios que a vida lhe apresentava e por essa determinação e vontade de vencer foi indicado pelo Comandante Geral da Polícia Militar, coronel Edison Duarte, para conduzir o fogo olímpico.

Durante os 200 metros em que carregou a tocha pela Praça Capitão Jorge Soares, no Centro de Barra Mansa, Alexsander revezou com o companheiro, o também soldado da Polícia Militar Thiago Diorgenes Silva Neto, da UPP Providência. Diorgenes executa, há quatro anos, um projeto de integração voltado para a área esportiva na comunidade onde atua. Ele dá aulas de jiu-jitsu para mais de 200 crianças e adolescentes da região. Durante o tempo de existência do projeto, os atletas participaram de diversos campeonatos pelo Brasil e até pelo mundo e muitos foram campeões em suas categorias. É aluno do mestre Diorgenes, inclusive, o atleta Gabriel Monteiro, grande vencedor do Campeonato Mundial de Jiu-Jitsu, realizado na Califórnia, nos Estados Unidos, no ano passado.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

3 comentários

  1. Avatar

    Segundo os relatos em VÁRIAS matérias que li, em BM, a TOCHA foi conduzida por BONS ALUNOS, BONS POLICIAIS e um PROFESSOR DE EDUCAÇÃO FÍSICA…
    Parabéns a organização do evento.

    • Avatar
      Tocha da desgraça

      Coitado dos professores e policiais, tudo com salário atrasado! Agora peguem a tocha e pagam suas contas!

  2. Avatar

    Parabéns esses são os verdadeiros policiais e heróis que merecem o respeito da população

Untitled Document